Criado pela OIT, 28 de abril é lembrado como Dia Internacional em Memória às Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho

Criado pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) em 2003, o dia 28 de abril marca a luta dos trabalhadores em todo o mundo pelo direito universal à saúde e para tornar visíveis os problemas relacionados a acidentes e doenças de trabalho.

Em Araraquara, o Cerest (Centro de Referência em Saúde do Trabalhador) “Francisco Neves” – foi criado por Lei Municipal em 29 de abril de 2002, no 1º mandato do prefeito Edinho, e regulamentado como Centro de Referência em Saúde do Trabalhador Regional, através de Portaria do Ministério da Saúde.

O Cerest Araraquara engloba 24 municípios e atua como referência técnica para o SUS (Sistema Único de Saúde). O órgão implementa projetos de intervenção nas ações de saúde do trabalhador com a definição de protocolos de atendimento, em articulação com a Vigilância em Saúde.

Vale ressaltar que esta data (28 de abril) é lembrada como o Dia Internacional em Memória às Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho a partir da explosão de uma mina no estado da Virgínia (EUA), em 28 de abril de 1969, em que morreram 78 mineiros.

No Brasil, o dia foi transformado a partir de Lei Federal de 25 de maio de 2005, que criou o Dia Nacional em Memória das Vitimas de Acidentes e Doenças do Trabalho.

Fonte: http://www.araraquara.sp.gov.br/noticias/2020/abril/27-1/dia-marca-luta-contra-acidentes-e-doencas-de-trabalho